Oi gente, tudo bem? A um pedido, eu decidi jogar God of War e vou dizer que deu muitos problemas, mas eu me diverti bastante!
Eu comecei a ler um livro que eu to amando demais, e sabe quando você não quer que acabe? Então eu decidi dar um tempinho e jogar um jogo, e como um amigo meu comentou a resenha de Ib, e pediu pra mim jogar God of War, eu decidi jogar.
Quem não conhece o guerreiro Kratos não é mesmo? Mesmo que tenha só ouvido falar nele. Além da série de games God of War, ele é um servo dos deuses do olimpo.

Então, o jogo consiste em destruir o deus da guerra: Ares. Por que destruí-lo? Bom, Kratos quer ser livre e ele decidi que faria qualquer coisa para quitar as dívidas com os deuses. Então, a solução vem, que é exatamente destruir Ares.

Mas não é tão fácil assim derrotar alguém, ainda mais o deus da guerra. Kratos é um guerreiro incrível e no jogo ele tem vários poderes mas alguns precisam adquirir uma certa energia que você só irá receber quando encontrar um baú do qual precisará ser levantando e quando abri-lo encontrará uma luz azul que é a sua energia. Além de tudo isso, Kratos será guiado pela deusa da sabedoria: Atena.

Mas para matar um deus não é simples, não é com uma simples arma ou coisa do tipo, Kratos precisará encontrar de um único objeto que servirá para matar o deus da guerra, e com isso você já pode imaginar a aventura pela qual teremos que passar para encontrar esta relíquia.




Jogo que me deixou sem dormir. Sério gente! Eu demorei pra zerar este jogo, eu tive que ir até as duas da madrugada jogando de tão viciada que eu fiquei. 
Eu pedi pro meu pai comprar pra mim o jogo, ele comprou mas ele quem jogou primeiro por que ele também ama jogar.

Teve várias partes no jogo que eu tive uma dificuldade impossível de acreditar. Nos primeiros momentos do jogo, em uma batalha com o Colosso de Rodes (isso mesmo, uma estátua gigante que criou vida e tenta me matar) eu morria direto. Eu nunca conseguia passar daquele lugar. Eu chegava até um baú, pegava energia e ia pra uma catapulta que tinha. Mas toda vez o Colosso de Rodes me matava esmagado. Então eu decidi optar pelo mais fácil. Procurei no google como derrotar o Colosso de Rodes e descobri que tinha que fazer ele ficar cansado, dormir, desmaiar, sei lá, eu também não defini o que era. Optei pelo errado mas passei essa faze.

Em relação em zerar o jogo. Gente, eu só vou postar resenhas de games quando eu zerar todos eles. Mesmo que eu tenha que ficar até a madrugada, eu vou zerar. Além de eu ser noob ("aprendiz” ou “inexperiente”, designando um iniciante numa atividade ou profissão) em quase todos os jogos que eu costumo jogar, eu ainda costumo gritar quando morro. Então vocês já devem imaginar a quantidade de gritos que acordou a vizinhança na madrugada.

Pra quem acha que eu não fiquei na madrugada, eu fiquei sim! Sabe como? Com uma garrafa térmica cheia de café pra me manter acordada. Só pra conseguir zerar o jogo, zerei o jogo a 13:00 de ontem e fui preparar a resenha. 

O pior é que hoje tive que acordar cedo, então as olheiras estão mais visíveis do que se eu escrevesse noob na minha testa.

Eu gostei que o jogo tem deuses gregos, e eu já disse milhares de vezes aqui pra vocês que eu amo mitologia tanto grega como romana, então isso foi demais pra mim, só a experiencia de tomar muito café e ficar acordada até tarde que não foi das melhores e pra piorar, agora eu estou viciada em café, acreditam nisso?

Mas enfim, eu adorei jogar este jogo! Agora só comprar o 2 e bora zerar também rsrs.

Espero que vocês tenham gostado do game de hoje, beijos e até o próximo post.



                                                            Paula.

Deixe um comentário

Tecnologia do Blogger.